Rússia lança maior ataque de drones à capital da Ucrânia desde o início da guerra

0
71


O ocorrido teria durado mais de cinco horas, sendo classificado como o “ataque mais massivo” do país a cidade

A capital da Ucrânia, Kiev, enfrentou no sábado, dia 27, o ataque de drones mais devastador desde o início da guerra com a Rússia, enquanto a cidade se preparava para comemorar o aniversário de fundação neste domingo, 28. Conforme as autoridades locais, o ataque com drones Shahed, de fabricação iraniana, lançado pelos russos, resultou na morte de duas pessoas e deixou três feridos.

O ocorrido teria durado mais de cinco horas, sendo classificado como o “ataque mais massivo” do país a cidade, revelou Serhii Popko, um alto oficial militar de Kiev. A defesa aérea conseguiu derrubar mais de 40 drones.

Um homem de 41 anos morreu no incidente, enquanto uma mulher de 35 anos foi hospitalizada após destroços caírem sobre um prédio não residencial de sete andares e provocar um incêndio, informou o prefeito de Kiev, Vitali Klitschko.

A Força Aérea da Ucrânia relatou que a noite também foi marcada por um número recorde de ataques com drones Shahed em todo o país. Dos 54 drones lançados, 52 foram abatidos pelos sistemas de defesa aérea.

O Dia de Kiev, que celebra o aniversário oficial da fundação da cidade, é geralmente comemorado com shows ao vivo, feiras de rua, exposições e fogos de artifício. No entanto, neste ano, devido aos trágicos acontecimentos, as festividades foram reduzidas. A cidade de Kiev completa 1.541º aniversário.

Autoridades dizem que ataque não foi coincidência

Autoridades ucranianas acreditam que o momento dos ataques com drones não foi uma coincidência. “A história da Ucrânia é uma irritação de longa data para os russos inseguros”, disse o principal assessor presidencial da Ucrânia, Andriy Yermak, no Telegram.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Hoje, o inimigo decidiu ‘parabenizar’ o povo de Kiev no Dia de Kiev com a ajuda de seus mortais UAVs (veículos aéreos não tripulados)”, escreveu Popko também no aplicativo de mensagens.

Este seria o 14º ataque de drones russos em Kiev, segundo as autoridades. Conforme a Força Aérea Ucraniana, a Rússia visava “instalações militares e infraestruturas estratégicas nas regiões centrais do país, em particular na região de Kiev”.

Estadão Conteúdo


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here